Google+ Badge

Tecnocast 015 – Amor em tempos de internet (mais 4 notícias)

Tecnocast 015 – Amor em tempos de internet (mais 4 notícias)

Link to Tecnoblog

Tecnocast 015 – Amor em tempos de internet

Posted: 05 Mar 2015 03:06 PM PST

O TB é um site de tecnologia e cultura geek, mas no Tecnocast gostamos de falar da inovação de um ponto de vista comportamental – como a nossa rotina e cultura estão cada vez mais diferentes por causa do mundo digital.

Com os relacionamentos não é diferente, né? Antes quem namorava não tinha Facebook, Instagram ou Tinder pra se preocupar. Mas também não tinha Whatsapp ou Skype, que te permitem conversar com a sua amada sem ter que ficar pensando no pulso telefônico. S2

015

Nesse episódio não seremos nada científicos. Nosso objetivo foi bate-papo bem descontraído, compartilhando experiências e dando os nossos pitacos sobre se o mundo monogâmico está fadado ao fracasso, ou se não é nada disso, ele está ainda mais forte com o advento da internet.

Aperte o play aí e vamos nessa!

Participantes

Links Citados

Assine o Tecnocast

Arte da Capa

Edição e Sonorização

O Tecnocast é editado por Rádiofobia Podcast e Multimídia.

Tecnocast 015 – Amor em tempos de internet








Facebook vai remover das fan pages likes de contas inativas

Posted: 05 Mar 2015 01:55 PM PST

Se você administra fan pages no Facebook ou é participante regular de alguma delas, poderá notar uma leve diminuída na quantidade de fãs dessas páginas nos próximos dias: a companhia anunciou hoje (5) que irá excluir da contagem "curtidas" de perfis inativos.

Para essa medida, o Facebook levará em consideração tanto perfis desativados voluntariamente quanto as contas que viraram memoriais, isto é, estão associadas a participantes falecidos. Os perfis inativos que por ventura forem reativados farão parte das contagens novamente.

Facebook Like

A princípio, a decisão pode não agradar administradores que ficam sempre atentos aos números de suas páginas, mas o Facebook explica que o procedimento trará dois benefícios: ajudará na mensuração mais precisa de dados de acesso e, especialmente no caso de empresas, facilitará a localização de usuários que se relacionam com as suas marcas.

O processo de “limpeza” começa no próximo dia 12 e deve durar várias semanas. Mas esse é o trabalho mais fácil, por assim dizer: o Facebook também está engajado em combater a "praga" dos perfis falsos da rede social.

Como o problema é particularmente expressivo na Índia, a empresa vem testando novas ferramentas de detecção e verificação de contas nesse país. Com os testes, o Facebook espera conseguir checar mais rapidamente denúncias de perfis falsos e criar mecanismos que dificultem a criação dessas contas.

Com informações: The Next Web, PC World

Facebook vai remover das fan pages likes de contas inativas








Zenfone 2: o que há de bom no novo smartphone topo de linha da Asus

Posted: 05 Mar 2015 11:01 AM PST

zenfone-2-abre

Direto de Barcelona — O Zenfone 2 foi apresentado durante a CES 2015 e também deu as caras na Mobile World Congress. Com processador quad-core Intel Atom de 64 bits e versões com até 4 GB de RAM, o smartphone é uma grande atualização em relação ao atual Zenfone 5 e tem previsão para chegar ao Brasil na segunda metade do ano. Fui dar uma olhada de perto nele.

A ZenUI, interface personalizada da Asus, continua presente. Na época do KitKat, ela já acompanhava as tendências de design do Android e trazia boa parte das características visuais que veríamos futuramente, no Lollipop. Mesmo assim, a Asus decidiu renovar sua interface, que provavelmente continuará não agradando aos que preferem o Android puro, mas traz recursos que realmente são úteis e não comprometem o desempenho — o que seria bem difícil em um hardware desse porte.

É possível notar alguns caprichos que normalmente passam despercebidos pelos usuários, como os ícones dinâmicos dos aplicativos de tempo, gerenciamento de energia ou calendário, que mostram a temperatura atual, porcentagem de bateria ou data. Além disso, os aplicativos da Asus têm funções adicionais: o player de música e o gerenciador de arquivos, por exemplo, possuem integração com Dropbox, OneDrive e Google Drive para você gerenciar seus arquivos na nuvem.

O aplicativo da câmera também está bem completo. No modo manual, você pode fazer os ajustes mais finos possíveis. Além de configurar a velocidade do obturador, o ISO e o balanço de branco, o software permite que você altere configurações intimamente ligadas ao algoritmo de processamento de imagem, como a nitidez da foto. O Zenfone 2, aliás, ganhou um modo de "super resolução", que tenta capturar a imagem mais nítida possível — há um intervalo de dois ou três segundos para a foto ficar pronta, mas o resultado pode compensar se você estiver fotografando uma cena mais detalhada.

zenfone-2-capinha

zenfone-2-topo

zenfone-2-previsao

zenfone-2-traseira

O Zenfone 2 possui tela de 5,5 polegadas com resolução de 1920×1080 pixels, bateria de 3.000 mAh (com suporte a carregamento rápido) e câmera de 13 megapixels com lente de grande abertura (f/2,0). Ele tem previsão para ser lançado no Brasil no segundo semestre de 2015, nas versões de 2 GB e 4 GB de RAM — seu irmão Zenfone Zoom, com zoom óptico de 3x, deve chegar no mesmo período. Os preços ainda não foram revelados oficialmente.

Paulo Higa viajou para Barcelona a convite da Asus.

Zenfone 2: o que há de bom no novo smartphone topo de linha da Asus








Microsoft lança preview do Office 2016 para OS X

Posted: 05 Mar 2015 11:00 AM PST

Se você sempre se perguntava “e para OS X?” toda vez que surgia uma notícia com novidades sobre o Office, pode ficar aliviado. Nesta quinta-feira (5), a Microsoft lançou o primeiro preview público do Office 2016 para Mac. Entre as novidades da versão está a otimização de conteúdo para telas Retina.

Word 2016

Word 2016

Isso significa que, no novo Office, o usuário pode criar gráficos no Excel ou montar apresentações no PowerPoint, por exemplo, que aproveitam de maneira inteligente todo o potencial das telas com Retina. O Office 2011 já tinha, de certa forma, algum suporte para a tecnologia, mas agora a Microsoft está explorando o recurso de modo abrangente.

Outro destaque é a já esperada ampliação da integração com as nuvens. O Office 2016 para Mac vem preparado para trabalhar com OneDrive, OneDrive for Business e SharePoint. Graças a isso, é possível compartilhar documentos facilmente ou acessá-los mais tarde a partir de outro dispositivo, como um smartphone ou um tablet.

Excel 2016

Ainda em relação às nuvens, o Office 2016 vem com suporte melhorado a trabalho colaborativo: o usuário pode, de maneira simultânea, dividir a edição de um documento com um colega remoto, mesmo que esse esteja usando o Office para Windows.

Embora não muitas, também há novidades nas funções de cada aplicativo, é claro. O Word tem entre seus novos recursos dicionário com interface que facilita a leitura e um painel de navegação que ajuda a localizar pontos específicos de um documento.

O Excel ganhou suporte aos atalhos de teclado existentes em sua versão para Windows (mas os atalhos específicos para Mac continuam funcionando) e novas ferramentas de análise estatísticas, por exemplo.

No PowerPoint, o destaque é o modo de visualização do apresentador, que exibe notas do slide atual, prévias da página seguinte, temporizador, entre outros recursos.

 PowerPoint 2016

Outlook e OneNote também fazem parte do Office 2016, mas mudam pouco em relação às versões já disponíveis para quem é assinante do Office 365. Essa não chega a ser uma notícia ruim: anunciado em outubro do ano passado, o novo Outlook para Mac é bastante versátil. Pode-se dizer o mesmo do OneNote.

O preview do Office 2016 para Mac pode ser baixado aqui, gratuitamente. É necessário ter o OS X Yosemite para rodá-lo. Para quem já possui o Office 2011, ambos os pacotes podem “conviver” na mesma máquina sem um interferir no outro.

A Microsoft promete lançar a versão final do novo Office para Mac no segundo semestre de 2015.

Microsoft lança preview do Office 2016 para OS X








Sony perde dados dos vencedores da promoção dos 20 anos do PlayStation

Posted: 05 Mar 2015 01:01 AM PST

Os japoneses que compraram o PlayStation 4 nos meses de dezembro de 2014 e janeiro de 2015 receberam um item extra ao abrirem seus consoles: um código de 10 dígitos, que significava que o novo dono do videogame estava participando de um sorteio. O prêmio era outro PlayStation 4 (pois é), numa edição especial de 20 anos do videogame. O problema? A Sony perdeu os dados dos ganhadores.

PS1-Theme-PS4-Console

Seriam 123 felizardos a receber um PS4 com as mesmas cores do PlayStation 1, mas a Sony não sabe mais quem são os vencedores já que a fabricante perdeu todos os dados, sem nenhuma esperança de recuperá-los. Para que a promoção seja honrada, a Sony propôs que os donos dos videogames enviem seus códigos para a fabricante.

O problema é que muitas pessoas já jogaram fora os seus códigos. A Sony diz estudar uma forma para que esses participantes não fiquem de fora da promoção. A fabricante também afirmou que os dados da PSN não foram comprometidos dessa vez, mas esse episódio certamente revela o descuido que a Sony tem com dados.

Agora, uma pergunta séria: qual o sentido em premiar um produto que os participantes da promoção já possuem?

Com informações: Kotaku

Sony perde dados dos vencedores da promoção dos 20 anos do PlayStation








Read more »